Eurocopa 2024 – Espanha vence a Alemanha: uma vitória espetacular

Na sexta-feira, 6 de julho de 2024, a Stuttgart Arena foi palco de uma partida cativante entre dois gigantes do futebol Europeu. Espanha conseguiu arrebatar a vitória contra Alemanha, classificando-se assim para as semifinais doEuro 2024. Um confronto rico em emoção e suspense que terminou na prorrogação.

Leia nosso artigo: Palpite Espanha x França

Espanha vence a Alemanha Eurocopa 2024

Destaques da partida

Um primeiro tempo equilibrado

Desde o pontapé inicial, ambas as equipes mostraram determinação em assumir a liderança. Os espanhóis dominaram a posse de bola, mas a Alemanha não cedeu um centímetro, mantendo-se compacta na defesa.

Espanha abre o placar

Aos 34 minutos, Mikel Merino abre o placar para a Espanha em um escanteio perfeitamente executado. O meio-campista salta mais alto que todos e catapulta a bola para o fundo da rede alemã. O Estugarda prende a respiração enquanto os adeptos espanhóis exultam de alegria.

O empate alemão

Longe de desanimar, a Alemanha multiplicou as oportunidades de gol. Finalmente, aos 79 minutos, Florian Wirtz encontra a lacuna na defesa espanhola e empata com um chute poderoso fora do alcance deUnai Simon.

Extensões decisivas

Com ambas as equipes tentando desesperadamente assumir a liderança antes do final do tempo regulamentar, nenhum outro gol foi marcado. A partida, portanto, vai para a prorrogação, aumentando ainda mais a tensão palpável no estádio.

Uma segunda metade cheia de reviravoltas

Dominação tática espanhola

Durante a prorrogação, a Espanha finalmente levou a melhor. A sua estratégia ofensiva está a dar frutos. Daniel Olmo se consolida como mestre do jogo, distribuindo passes precisos e criando diversas chances perigosas.

O objetivo libertador

Aos 118 minutos, Fernando Torres marca o tão esperado gol depois de driblar habilmente dois defensores alemães. Com este segundo gol, a Espanha garante sua vaga na semifinal contra a derrotada Alemanha.

Análise pós-jogo

Principais estatísticas

  • Posse de bola: Espanha 48,5%, Alemanha 51,5%
  • Remates à baliza: Espanha 6, Alemanha 7
  • Escanteios obtidos: Espanha 5, Alemanha 4

Os jogadores notáveis

Mikel Merino foi eleito o melhor em campo por seu excepcional desempenho no meio-campo, liderando seus companheiros tanto no ataque quanto na defesa. Unai Simon, o guarda-redes espanhol, também mostrou reflexos impressionantes, defendendo vários remates perigosos.

Reações dos treinadores

No final da partida, Luis De La Fonte, o treinador da selecção espanhola, disse: “Sabíamos que seria um jogo difícil contra a Alemanha, uma equipa lendária. Estou orgulhoso dos meus jogadores, eles mostraram carácter, tenacidade e grande espírito de equipa”.

Por outro lado, Hansi filme, o treinador alemão, evitou desculpas: “Demos o nosso melhor, mas hoje não foi suficiente. Parabéns à Espanha. Vamos analisar os nossos erros e voltar mais fortes”.

Repercussões para o resto do torneio

Cenários possíveis para Espanha

A Espanha enfrentará o vencedor das outras quartas-de-final entre França e Portugal. Independentemente do resultado deste confronto, os fãs podem esperar um confronto emocionante nas semifinais.

Ajustes necessários para os alemães

Quanto à Alemanha, chegou o momento de reflexão e preparação para os seus próximos compromissos internacionais. Os jogadores terão que aprender lições com esta derrota dolorosa e fortalecer a coesão da equipe.

Click to rate this post!
[Total: 1 Average: 5]